quarta-feira, dezembro 24, 2008

É NATAL!

Carlos Araújo MATERNIDADE

Nasce Jesus Menino para o nosso bem!

Em cima da hora para uma doce confraternização. Comemoramos o nascimento de Cristo. Tanto se tem dito sobre a magnitude desta data, tanto se tem falado sobre Jesus, sua grandeza, seu sacrifício pela humanidade e pouco, tão pouco, se tem feito para uma melhora real da atuação do homem no lugar que habita.
Conjecturando a respeito, decidi por fazer o que um amigo, dono de sabedoria incontestável, fez para marcar a data de Cristo, na comemoração deste ano. Ele usou uma prece que tem circulado pela internet, uma oração que concentra tudo o que deve ser lembrado, seguido, sentido em mais essa oportunidade de reflexão.


PRECE ÁRABE

Deus, não consintas que eu seja o carrasco que sangra as ovelhas, nem uma ovelha nas mãos dos algozes. Ajuda-me a dizer sempre a verdade na presença dos fortes e jamais dizer mentiras para ganhar os aplausos dos fracos.
Meu Deus! Se me deres a fortuna, não me tires a felicidade; se me deres a força, não me tires a sensatez; se me for dado prosperar, não permita que eu perca a modéstia, conservando apenas o orgulho da dignidade.
Ajuda-me a apreciar o outro lado das coisas, para não enxergar a traição dos adversários, nem acusá-los com maior severidade do que a mim mesmo. Não me deixes ser atingido pela ilusão da glória quando bem sucedido e nem desesperado quando sentir o insucesso. Lembra-me de que a experiência de um fracasso poderá proporcionar um progresso maior.
Ó Deus! Faze-me sentir que o perdão é o maior índice da força e que a vingança é prova de fraqueza. Se me tirares a fortuna, deixe-me a esperança. Se me faltar a beleza da saúde, conforta-me com a graça da fé. E quando me ferir a ingratidão e a incompreensão dos meus semelhantes, cria em minha alma a força da desculpa e do perdão.
E finalmente Senhor, se eu Te esquecer te rogo, mesmo assim, nunca Te esqueças de mim!

Repetindo o meu amigo Franklin, pela seriedade, profundidade e misticismo desta mensagem, escolhi-a também como a mensagem ideal para esta confraternização de agora.

Um belo e sereno Natal para todos.

5 comentários:

Anônimo disse...

Tudo muito lindo, todavia
perdoe-me a rude franqueza, mas
esse DEUS MENINO não cai bem.
Felinto

Old Mag disse...

É mesmo! Tudo às pressas, como sempre acontece no mês de dezembro, eu estava com a música no ouvido, por força da repetição e inadvertidamete, larguei o verso (tanto que o pus em itálico) Vou dar um jeitinho já, já.
Obrigada, mano.

Rose Marinho Prado disse...

Voltou a escrever, né? Não avisa os amigos. Que má.

Rose Marinho Prado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Old Mag disse...

Oi, Rose, você aqui, que coisa gostosinha! É, não avisei, talvez por achar que não é o tipo de leitura que atrai sua atenção. O blog é de linha religiosa, porém aberto a qualquer público. Vejo as coisas pela ótica espírita, mas aceito considerações vindas de qualquer outro tipo de postura religiosa. O tempo é mesmo de visão ecumênica. Então é deixar fluir.
Fique certa de que valorizei muito sua visita, ok?

Não sei se tenho leitores aqui pela raridade de comentários, mas, como pode ser o caso de leitores inibidos, continuo na minha posição de contribuição à doutrina.

Alguém excluiu o próprio comentário. Que pena. Talvez uma chance perdida de análise de opiniões diferentes

Não preciso dizer que valorizei muito sua visita.